SINCO.net Desde 1982
Sobre a SINCO Produtos Servidores Workstations Customize seu Equipamento Contato
Início » Empresa » Sala de Imprensa » Matéria

O DIA Online

Jornal O DIA - Carderno Internet
O DIA Online
Estações para animação 3D
Segundo capítulo da série sobre servidores de pequeno porte aborda o mercado de renderização de filmes
Página 7
Paulo Couto
28 de Abril de 2004


Globeleza 2004

Bob Marley e Gilberto Gil no clipe Three Little Birds

Formula 1, modelo 3D para campanha da Gasolina BR Podium

Gilberto Gil, Bob Marley e Globeleza: animações 3D de primeira produzidas em PCs de última geração. Há quem acredite até hoje que a personagem da vinheta era a Valéria Valenssa de verdade. Os últimos trabalhos da empresa envolvem carros de Fórmula 1, como a Williams usada na campanha da BR e um filme em homenagem ao campeão Ayrton Senna

Estações para animação 3D
Segundo capítulo da série sobre servidores de pequeno porte aborda o mercado de renderização de filmes


Certamente você já viu na TV os caranguejos animados ou a tartaruga que joga bola com uma latinha nas campanhas de cerveja. Se você gosta de clipes, também já deve ter visto Gilberto Gil contracenando com Bob Marley na versão de Three Little Birds, todos em animação 3D.
Na época do Carnaval, a Globeleza marca presença na TV mesmo quando uma gravidez impede a participação da Valéria Valenssa real na vinheta, sendo preciso a criação de uma animação para substituí-la.

Por trás dessas produções estão estúdios gráficos de última geração com uma imensa infra-estrutura de informática.
A Seagulls Fly, aqui do Rio, é uma dessas empresas. Nos seus estúdios foi produzida a última vinheta da Globeleza, um projeto que levou três meses para ser executado, entre captura dos movimentos da própria Valenssa, criação de wireframes (esqueletos), texturização da pele e dos efeitos e a produção do filme em si.
Segundo Flavio Mac, um dos diretores da empresa, foram realizadas mais de 40 provas de imagem até se chegar à versão final que vemos acima.

Depois que todas as estruturas estavam prontas e os efeitos definidos, os frames (quadros) que formam o filme levaram 5 dias para serem renderizados em uma workstation Dual Xeon 3.06 GHz com 4 GB de RAM, que custa em torno de R$ 20 mil, e mais outras máquinas remotas gerenciadas pelo Render Manager, que aloca os recursos conforme a necessidade , como se fosse um grande processador virtual.
Antes de adotar o Dual Xeon, Flavio usava um Dual Athlon MP 2000+ e levava o dobro do tempo para criar cada frame. Micros até mais simples do que o “velho” Dual Athlon seriam capazes de realizar as mesmas tarefas – para quem quiser começar a fazer suas animações em casa, por exemplo – mas o tempo de renderização na mesma qualidade será muitas vezes maior, o que inviabilizaria a produção nos prazos exigidos pelo mercado.
Segundo Flavio Mac, o poder computacional tem relação direta com a qualidade final do produto. Se não há processamento suficiente para cumprir os prazos, os criadores e projetistas optam por modelos mais simples e mais rápidos de serem renderizados, abrindo mão de parte da qualidade final.

Não é à toa que a empresa tem outras duas máquinas com essa mesma configuração, todas equipadas com três unidades de discos Serial ATA, sendo duas delas em RAID 0. Além disso, todos os computadores – incluindo pelo menos outros 10 poderosos PCs com 2 GB de RAM, servidores de backup e armazenamento e alguns Macs, como os novos G5 Dual de R$ 17 mil – estão interligados por duas redes, de 100 e 1000 Mbits. Todos disponíveis para o Render Manager. Curiosamente, cada quadro é finalizado individualmente e não necessariamente na mesma máquina. No final, todos os quadros são agrupados, seqüenciados e o filme é finalizado – tudo com os softwares 3D Studio Max e o Combustion, da Discreet, além do After Effects e Photoshop da Adobe.

Esse parque de máquinas parece exagero, mas não é. Quanto mais rápido os projetos são entregues, mais projetos são contratados pelos clientes, e assim mais máquinas são necessárias. Muitas vezes vários projetos são executados ao mesmo tempo, como no período em que a Globeleza foi produzida. É um ciclo que não pára.

Os últimos trabalhos da empresa envolvem carros de Fórmula 1, como essa incrível Williams usada para uma campanha da BR Distribuidora. Sim, todos os elementos dessa imagem foram criados artificialmente. Também está sendo produzido um filme para o Memorial Ayrton Senna, que contará a historia do piloto em uma única corrida, mostrando o Senna no seu Kart sendo ultrapassado por ele mesmo em seu Formula 3, e assim por diante passando por todos os carros que pilotou em sua carreira. Tivemos a oportunidade de ver uma prévia do filme, e o realismo é impressionante. Uma verdadeira homenagem ao grande Ayrton.

Quando há a criação de um personagem, como é o caso do Siri ou da Tartaruga da cerveja, um estúdio com bom poder de processamento apresenta para ser aprovado pelo cliente 20 ou 30 amostras de personagens diferenciados, cada um com sua característica particular. Se não houver processamento suficiente para entregar as amostras no prazo, apenas dois ou no máximo três exemplos são apresentados, correndo o risco de o cliente não ficar satisfeito e o estúdio perder o negócio.
Ter um parque de informática bem estruturado e com muito poder de processamento é fundamental para manter a competitividade dos estúdios de produção.

Custo do hardware está caindo

O custo do hardware para servidores e workstations tem caído muito nos últimos anos, e soluções sofisticadas antes voltadas apenas para eles, como as controladoras RAID, estão se tornando comuns até em desktops. HDs Serial ATA, especialmente os Seagate Barracuda 7200.7, estão ocupando espaços em aplicações antes restritas aos discos SCSI, mais caros e com menor capacidade. A oferta cada vez maior de componentes como placas-mãe, memórias, controladoras, gabinetes etc., faz com que os consumidores, mesmo nos EUA, optem por máquinas padronizadas de upgrade mais fácil, em vez de modelos com componentes proprietários da Dell, IBM, HP e similares.

A vida útil de cada workstation em um estúdio de produção é estimada em 4 anos, mas a cada ano novas máquinas são contratadas e as anteriores são destinadas a tarefas menos críticas em um efeito cascata

O DIA Online

. . . .
. Blogger Facebook Twitter Instagram .
Sobre a Sinco | Blog | Facebook | Sala de Imprensa | Suporte | Contato
Estrada da Bica 96 | Rio de Janeiro | CEP 21.931-070 | Mapa
Fone: (21) 2533.2524 | WhatsApp (21) 996297920 | Atendimento
CNPJ 27.072.453/0001-80 | Código de Defesa do Consumidor
Fundada em 12 de fevereiro de 1982 | Ano XXXVI
©1982-2017 - SINCO.net (Todos os direitos reservados) | ®Marcas
.
.
. . . .